Ti Ti Ti da Pietra

Emoções de ser mãe em tempo real

Deixar ou não chorar. Dilema cruel 07/10/2010

Filed under: Comportamento,Notícias — Ti Ti Ti da Pietra @ 19:38
Tags: , , , ,

Muito antes de ter um filho, tinha a consciência que não seria uma mãe do tipo banana. Sempre tive horror de criança que se joga no chão de shopping center e responde aos mais velhos. Gritaria então! Nem pensar!!!

Sou super adepta da rotina e dos bons hábitos. Isso vale para tudo, inclusive para bebês, por que não?

Quando a Pietra foi a primeira consulta com a pediatra, ela me perguntou: Mãe, aonde ela está dormindo? Respondi: Na minha cama. E ela: Por que? Ela tem que dormir no berço dela.

Pronto, nesse mesmo dia papai colocou pé firme (ta bom, ta bom, essa me deu peninha) e a Pietra dormiu no berço. Hoje ela praticamente só dorme no berço, até os cochilos durante o dia, são no bercinho. Mas quem disse que foi fácil? Muitas vezes ela chorou, e deixamos ela chorar por um tempo. Já deixei ela chorar outras vezes, como quando ela queria fazer o peito de chupeta ou por manha pura. Não acho errado, claro que todas as necessidades dela precisam estar sanadas. Não deixo minha filha com fome, nem suja, nem se esgoelando porque quer ficar tranquila para dormir. Mas vez ou outra ela chora e chora. Claro, por períodos curtos, tipo 5 minutos.

O mais engraçado é que muita gente concorda, mas na hora que vê a criança chorando, você vira a Bruxa do 71 que maltrata menininhas. Todo mundo tem pena. Outro dia, deixei a Pietra no carrinho na porta do banheiro e estava escovando os dentes. Ela abriu o berreiro. Eu disse para ela chorar porque estava ocupada. Eis que de repente a faxineira aqui de casa passou a mão na Pietra e começou a niná-la dizendo: Ai, a mamãe tá me maltratando!

Olha, me senti meio mal na hora, mas tinha consciência que não estava fazendo nada de errado. Graças a insistência, a Pietra agora pede para mamar no horário, dorme sozinha no berço (eu a coloco ainda acordada), e está começando a aprender a dormir a noite toda.

Abaixo deixo uma reportagem da revista Crescer. Sinceramente não concordo com a teoria da Sra. Psicóloga.

E aí? Deixar ou não deixar chorando?

Bjs

Helena

Fonte: revista Crescer

 

 
%d blogueiros gostam disto: